MAMÃE DE PRIMEIRA VIAGEM

Se você como eu é mamãe de primeira viagem não deixe de ler esse post até o fim.

Se tornar mãe é algo lindo e ao mesmo tempo desesperador, a primeira parte descobrimos ao engravidar, quando o bebê nasce e pelo resto da vida, e a segunda após o nascimento com os dias em que temos o filho nos braços (as noites mal dormidas, os dias doentinho, os dentinho nascendo, etc).

Pensamos em comprar tudo roupas, brinquedos, acessórios e etc, mas será que estamos lembrando de comprar o essencial?

Quando fiquei grávida comprei muitas coisas que sinceramente nem usei, então aqui vai um conselho, vá devagar, pense se será realmente útil, compre a maior parte das coisas quando o bebê nascer e conforme for crescendo e antes disso apenas o necessário.

Futura mamãe sabe o que realmente descobri como essencial para meu pequeno? Um termômetro e um inalador.

Não adianta achar que seu pequeno não vai pegar virose ou não vai ter febre, vai acontecer e talvez muito mais do que você gostaria.

Vacinas costumam dar febre, pequenas viroses e até mesmo a troca de ambiente, por isso o termômetro é tão importante, e uma inalação com soro quando o bebê está com gripe e ou resfriadinho também.

Obs: Não deixei de vacinar seu pequeno e de sempre consultar um médico.

Obviamente não vá sair fazendo inalações no bebê sem indicação médica, mas ter o inalador é importante porque comprar o produto quando o bebê já está doente as vezes incomoda e é um pouco difícil.

Por isso como mamãe afirmo que usei e muito esses dois itens, por isso recomendo, se você tiver condições tenha em casa.

E para você o que é essencial como mamãe? Comente aí.

Em breve no blog um pequeno texto sobre o necessário para levar no dia da chegada do pequeno (a).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *